19.7.16

Semana Releituras - Contos de fadas para adultos

Hey Mentes, quem aí gosta de Contos de Fadas? Prevejo que alguns leitores reviraram os olhos, para leiam o post até o final ok? 
Estou lendo algumas releituras e tenho gostado bastante, livros com bons enredos e que não possuem nada de infantil, os personagens que gostamos tanto na infância podem nos acompanhar agora na vida adulta. 

Está semana proponho deixarem os preconceitos de lada e embarcarem nesta semana de releituras.Vou dar dicas de alguns que já li, então sim vai ter resenha pelo menos 6 delas, e alguns que desejo ler.  
Você vai me acompanhar nesta semana? 

Para matar um pouquinho da curiosidade vou deixar a lista e as sinopses dos livros que vou abordar essa semana que tal???? 

Vou iniciar a semana com a trilogia Encantadas da Sarah Pinborough, a autora propõe a releitura de Branca de Neve, Cinderela, Bel adormecida, mesclando com as histórias de Chapeuzinho vermelho, a bela e a fera entre outros. 

Veneno: Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria um final feliz pode se tornar o pior dos pesadelos!

Veneno é o primeiro livro da trilogia Encantadas, e já é um best-seller inglês. Sarah Pinborough coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia! 

Feitiço: Você se lembra da história da Cinderela, com sua linda fada madrinha, suas irmãs feias e um príncipe encantado? Então esqueça essa história, pois nesta releitura de Sarah Pinborough ninguém é o que parece. Em um reino próximo, a realeza anuncia um baile que encontrará uma noiva para o príncipe e parece que o desejo de Cinderela irá ganhar aliados peculiares para ser realizado. Contudo, não será fácil: ela não é a aposta de sua família para esse casamento real, e sua fada madrinha precisa de um favorzinho em troca de transformar essa pobre coitada em uma diva real. Enquanto isso, parece que Lilith não está muito contente com os últimos acontecimentos e, ao mesmo tempo em que seu reino parece sucumbir ao frio, ela resolve usar sua magia para satisfazer suas vontades.

Feitiço é o segundo volume da trilogia iniciada com Veneno, um best-seller inglês clássico e moderno ao mesmo tempo em que recria as personagens mais famosas dos irmãos Grimm com personalidade forte, uma queda por aventuras e, eventualmente, uma sina por encrencas. Princesas, rainhas, reis, caçadores e criaturas da floresta: não acredite na inocência de nenhum deles!

Poder:Quando um príncipe mimado é enviado pelo seu pai para tentar desvendar os mistérios de um reino perdido, ninguém imagina os perigos que ele encontrará pela frente! Acompanhado da figura sóbria e sagaz do Caçador e de Petra, uma jovem valente que possui uma ligação muito forte com a floresta, o príncipe acaba encontrando um reino adormecido por uma estranha magia. Todos os seres vivos foram cercados pela densa mata e estão dormindo, em um sono pesado demais, que só poderia vir da magia. Mas que tipo de bruxaria assolaria uma cidade inteira e seus habitantes? E, principalmente, quem faria mal a uma jovem rainha tão boa e tão bela? A não ser, claro, que os olhos não percebam o que um coração cruel pode esconder...

Poder é o terceiro volume da trilogia Encantadas, e traz como história principal o conto da Bela Adormecida. Porém, esqueça os clichês tradicionais e se entregue a uma nova visão dos contos de fadas, em que heróis e anti-heróis precisam se unir para não perecerem à beleza superficial de princesas e rainhas egocêntricas e aos príncipes em busca de aventuras.

Depois vou falar da Série da autora Elissande Tenebrarh, Novos contos de fadas. 
A tentação do lobo: A cidade de Harvest Moon apesar de pacifica sempre foi envolta em mistérios. 

A última coisa que Samantha pensava ao viajar até a pequena cidade para ajudar sua avó, foi encontrar Henry Wolff, um homem que a salvou de um inesperado acidente. 
Henry jamais imaginaria encontrar a linda mulher de cabelos negros naquela estrada no meio da noite. Logo que seus dedos a tocaram, algo primitivo rugiu dentro dele, a ponto de desejar ter aquela mulher para si. 
O desejo entre ambos era inevitável. 
Mas algo obscuro começa a assombrar a vida de Samantha e Henry terá que lutar não apenas pelas pessoas que ama, mas também pela companheira que seu Lobo escolheu. 
A Tentação do Lobo mostra os desejos mais primitivos de um homem e de uma mulher, e uma maldição que tanto pode uni-los, quanto mata-los. 
Uma releitura moderna do conto de fadas A Chapeuzinho Vermelho, cheia de mistério, romance e altas doses de erotismo. 
“Ser devorada pelo Lobo Mau nunca foi tão bom.” 

O anjo e a Fera: França, 1820. 

Stephen tem marcas na pele e na alma. O belo lorde que lutou bravamente durante a guerra, agora é motivo de pavor entre a sociedade francesa. É por esse motivo que viveu durante anos enclausurado em sua própria casa, longe de qualquer pessoa que pudesse encontrá-lo, vivendo sob a sombra de seus próprios demônios. Isso, porém, muda quando encontra uma jovem jogada em frente sua porta, machucada e corrompida. 
Seu único instinto foi salvá-la. 
E ele o fez. 
Ao acordar em uma cama de lençóis macios e quentes, Rosaleen percebeu que não fora um sonho. Tudo realmente havia acontecido. Desorientada, a jovem sabia que não poderia ficar lamentando-se e, mesmo que estivesse protegida naquela imensa casa, não estava a salvo. Deveria partir. 
Deveria, mas seu salvador, o homem que lhe acolheu, não concordava exatamente com esse pensamento. Misterioso e sedutor, o homem com o rosto coberto por uma máscara revela à Rosaleen quais são seus planos para ela, que assim quando os compreende, percebe que está com grandes problemas. 
E, quando a consequência de uma noite terrível acontece, os dois se veem envolvidos em uma situação incomum, que testará os limites de cada, colocando-os em prova, assim como a chama de desejo e paixão que surge em ambos. 
Com sua docilidade e bom humor, Rosaleen fará de tudo para provar a Stephen que está disposta a salvá-lo, se ele aceitar entregar seu coração a ela.


Vou falar da polemica releitura de Anne Rice: 

Os desejos da Bela adormecida:

 A princesa condenada a dormir por 100 anos, depois de furar o dedo em uma roca de fiar enfeitiçada, se torna vítima de um segundo feitiço - seu coração e seu corpo estão sob controle do príncipe que a despertou, que a declara sua escrava sexual e a leva para a corte de sua mãe, a rainha Eleanor, um universo que mistura prazer, dor e subserviência.


E também da trilogia da Raiza Varella, Encantados que propõe releituras divertidas, com personagens carismáticos. 

O garoto dos olhos Azuis: O príncipe encantado existe?

Bárbara é linda, loira e bem-sucedida. Desde que assistiu a uma cerimônia de casamento pela primeira vez, ainda criança, seu sonho é apenas um: percorrer o tapete vermelho da igreja, vestida de noiva. Porém, contrariando todas as suas expectativas, ao ser abandonada no altar, a vida de Bárbara desmorona. Ela decide voltar à cidade natal e passa a viver com os irmãos e mais dois amigos. Todos homens. Com a ajuda de Vivian, uma espécie de Barbie Malibu, Bárbara tenta superar sua decepção amorosa recente e uma da adolescência, que volta com tudo à sua memória: o garoto dos olhos azuis. Será que o cavalo branco só passa uma vez? É isso que Bárbara vai descobrir com bom humor, jogo de cintura e uma pitada de neurose, em O Garoto dos Olhos Azuis, romance de estreia de Raiza Varella.

O garoto que tinha asas: Depois do conto de fadas protagonizado por Bárbara e Ian em O Garoto dos Olhos Azuis chegou a hora de conhecermos a história de outro casal encantado. Augusto Bittencourt, vulgo Monstro, é um renomado médico, dono de uma carreira sólida e do hábito de dispensar uma mulher atrás da outra sem piedade. Nunca se apaixonou e não acredita que um dia irá encontrar uma mulher interessante o suficiente para mudar esse fato. Mas o destino parecia pensar diferente, em uma madrugada fria ele presencia um terrível acidente de carro e conhece a garota sem nome. Uma garota que há muito tempo não sabe o que é ter um lar, se sentir segura e não precisar fugir de ninguém até que, em meio aos destroços, ela vê alguém correr em sua direção, um garoto que ela poderia jurar ter asas. Embora Augusto esteja muito longe de se parecer com um anjo, ele acaba por salvar a sua vida. Pela primeira vez, o médico de pouco humor e muito caráter terá que enfrentar e ir contra todos os seus princípios para cumprir uma promessa que não deveria ter feito e de quebra, quem sabe, se apaixonar. Em O Garoto que tinha Asas vamos descobrir se o príncipe encantado realmente vem montado em um cavalo branco ou se sua cor é o que menos importa em meio a uma singela releitura de A Bela e a Fera.

O garoto que eu abandonei: O que você perdoaria por amor?

Em O Garoto que eu Abandonei vamos conhecer a história do último encantado dos irmãos Bittencourt. Gustavo mantinha uma namorada secreta a meses com medo da reação de sua família e principalmente de Bárbara, sua irmã caçula, afinal ele sabia que ela não aceitaria facilmente esse relacionamento por ter um passado com a mulher que ele acredita amar. Quando o segredo vem à tona ele decide se casar com a moça doa a que doer, lançando ao vento um desafio tentador a Bárbara: Afundar o casamento a qualquer custo, mesmo para que para isso ela precisasse colocar o seu felizes para sempre com um certo garoto dos olhos azuis em risco! A solução? Recorrer a uma misteriosa mulher do passado do irmão. Ela não sabe nada sobre a moça misteriosa, a não ser que ela partiu o coração de Gustavo em um milhão de pedacinhos depois o abandonou. Se ele a amou ao ponto de escondê-la de todos será que ficaria balançado se a visse novamente? Bárbara acredita que vale a pena tentar, afinal a ruiva com os olhos cinzentos e infelizes parece ser sua última e única opção. O que ela não imaginava é que a história dos dois é mais profunda do que se deixa transparecer.
Marcela é morta por dentro. Uma detetive particular de humor ácido que não tem papas na língua, pesa mais do que gostaria, e guarda dentro do peito uma dor feroz e uma saudade absurda após perder toda a família em um acidente de carro, também é a Branca de Neve de um certo príncipe encantado. Será que ela será a arma certa para impedir o noivo de chegar ao altar?
Em meio a encontros e desencontros, um passado secreto, muitas mentiras e uma maça envenenada poderá existir um final feliz?


 Viu, contos de fadas não são somente para crianças. Acompanhe a semana Contos de fadas e descubra boas dicas de leitura. 

Até a próxima! 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...